Blog

Back to Blog

O Gestor Eficaz

Gerente Eficaz

Que é um gerente?

Peter Drucker chama de gerente todos os trabalhadores instruídos, sejam administradores ou profissionais individuais, de quem se espera decisões que tenham algum impacto significativo no desempenho e nos resultados da organização. Se suas decisões podem estragar tudo, você é um gerente.

 

Realidades do gerente

  1. O tempo do gerente tende a pertencer a qualquer outra pessoa.
  2. Os gerentes são forçados a se manter em “funcionamento” ao menos que façam algo positivo para alterar a realidade em que vivem e trabalham.
  3. O gerente só é eficaz se e quando outras pessoas podem usar aquilo que ele contribui. Em geral as pessoas mais importantes para sua eficácia não são aquelas sobre as quais ele exercer controle direto.
  4. Toda organização é uma abstração irreal comparada a realidade do ambiente em que existe.

Eficácia pode ser aprendida

A notícia boa é que ser eficaz é algo que pode ser aprendido. Não existe algo como uma personalidade eficaz. Os gerentes eficazes diferem em temperamento, habilidades, expertises, conhecimentos e interesses.

Qualquer pessoa pode se tornar eficaz com as práticas certas e existem essencialmente cinco destas práticas:

  1. Gerentes eficazes sabem empregar bem o tempo.
  • Observam onde seu tempo está realmente sendo empregado.
  • Tentam controlar esse tempo e cortam demandas improdutivas.
  • Consolidam seu tempo em unidades com a maior continuidade possível.
  1. Gerentes eficazes condizem esforços para resultados.
  • Resultados diretos
  • Construção e reafirmação de valores
  • Construção e desenvolvimento de pessoas para o futuro
  1. Gerentes eficazes se baseiam em suas forças e não em suas fraquezas.
  • Gerentes eficazes tornam cada função grande  exigente de modo a habilitar a pessoa a erguer-se à altura das novas exigências de uma situação diferente. As pessoas devem ter possibilidade de mostrar toda sua potencialidade.
  • Gerentes eficazes  começam pelo que uma pessoa pode fazer e não pelo que exige uma função.
  • Gerentes eficazes sabem que para conseguir forças precisam tolerar fraquezas. Nunca falam de um “homem bom” mas sim de que é “bom” para determinada tarefa. As fraquezas só devem causar preocupação se limitam o desenvolvimento completo das potencialidades de uma pessoa.
  1. Gerentes eficazes forçam-se a estabelecer e manter prioridades.
  • Veja o futuro em contraposição ao passado
  • Foque na oportunidade mais do que no problema
  • Escolha sua própria direção em vez de seguir os outros
  • Mire alto, aponte para alguma coisa que faça diferença em vez de escolher algo que seja seguro e fácil de fazer
  1. Gerentes eficazes tomam decisões eficazes.
  • A clara compreensão de que o problema é genérico e gera um grande número de ocorrências e não uma exceção que pode ser facilmente tratada. Só questões genéricas podem ser respondidas com uma decisão estratégica. O excepcional deve ser tratado pelo que é.
  • A definição de especificações claras sobre o que a decisão tem de realizar. Ou seja, quais os objetivos dessa decisão? Quais os resultados esperados? Que condições tem de satisfazer? Qual o mínimo necessário para resolver esse problema? Em ciência chamamos isso de condições-limite.
  • A verificação de que a solução satisfaz integralmente as especificações antes de se dar atenção aos compromissos, adaptações e concessões que serão necessárias para tornar a decisão aceitável.
  • A transformação da decisão em ação pela elaboração das atitudes necessárias para executá-la.
  • Finalmente, um retrospecto contínuo que permita a verificação da eficácia da decisão contra o desenrolar real dos acontecimentos.

 

 

Back to Blog
Abrir WhatsApp
Teste
Olá... tudo bem?
Como podemos te ajudar?
Powered by